publicidade

Troca de lâmpadas

36° e 37º Dias

Geralmente nunca temos tempo livre para cuidar de pequenos imprevistos. Porém, um pneu furado, uma lâmpada ou fusível queimados podem fazem com que  tenhamos que solucionar um problema com agilidade,  e, as vezes, por conta própria. Antes de  levar o carro nos centros automotivos das seguradoras ou até uma concessionária, pode ser interessante consultar o manual do proprietário e buscar informações sobre procedimentos de troca de alguns desses componentes simples. Dessa vez, resolvi verificar como substituir as lâmpadas do 208 e avaliar o grau de dificuldade na operação.

Comecei pelo interior do veículo, com a substituição da luz interna de leitura. É preciso puxar para baixo suavemente o conjunto de plástico que armazena o soquete da lâmpada. Após a remoção, é necessário desconectar o chicote elétrico e tomar muito cuidado com as “travinhas” da lente na hora da remoção. Sem a lente, é necessário apenas puxar a lâmpada para desconectá-la e instalar uma nova no lugar.

(Grau de dificuldade: Médio)

O brake-light: após desparafusar os dois parafusos “Torx” de fixação (na parte interna da tampa do porta-malas), o conjunto é facilmente removível.

(Grau de dificuldade: Fácil)

Na parte externa do 208 iniciamos a substituição das lâmpadas dos faróis de neblina.

Por debaixo do para-choque existe um acesso para a remoção do farol de neblina,  é só desconectar o chicote elétrico e remover o conjunto lâmpada-soquete.

(Grau de dificuldade: Médio)

Nos faróis dianteiros, o lado direito o espaço é bom e  facilita a troca de lâmpadas. O lado esquerdo, no entanto, exige um certo malabarismo com as mãos para contornar a caixa de fusíveis —embora  nada  tenha que ser removido para realizar o processo.

Farol lado direito – Facilidade no acesso e substituição das lâmpadas

Farol lado esquerdo – Devido a caixa de fusíveis a substituição das lâmpadas torna-se mais complexa

Lâmpada de luz diurna e lanterna

 

Lâmpada de indicação de direção

Farol baixo

Farol alto

Lembrando que quando uma lâmpada do farol baixo ou alto queima, é recomendável trocar o par e fazer o alinhamento do facho dos faróis.

(Grau de dificuldade: Fácil lado direito e médio lado esquerdo)

A substituição da lâmpada de luz indicadora de direção lateral localizada nos retrovisores é muito simples, mas exige cuidado na hora de remover a lente do espelho e a famosa “capinha” do retrovisor.

(Grau de dificuldade: Fácil)

Na traseira, é necessário remover a forração de carpete na lateral do porta-malas para obter ao parafuso de fixação da lanterna traseira.

(Grau de Dificuldade: Fácil)

Na luz da placa de licença é necessário remover as lentes com uma chave de fenda a lente e remover a lâmpada

(Grau de Dificuldade: Fácil)

Por ultimo a substituição da lâmpada do farol de neblina traseiro é feita por debaixo do para-choque traseiro. É apenas deitar no chão e remover o soquete com a lâmpada.

(Grau de Dificuldade: Fácil)

Enfim, após termos avaliado todas as trocas de lâmpadas, concluímos que de modo geral o 208 é bastante simples na substituição de eventuais lâmpada queimada. Assim, caro leitor, você arrisca substituir as lâmpadas de seu veículo? Ou preferiria levá-lo a um profissional especializado?

Comments: 2 Comments